Tão disruptiva quanto a própria realidade

Tão disruptiva quanto a própria realidade

Saber o que acontece no mundo da administração inclui estar antenado na dinâmica social, e econômica, em voga no Brasil e no mundo. A RBA 144 convida você, leitor, a imergir em assuntos como Gestão Pública — não apenas no sentido técnico, mas também nas implicações que ela tem na vida de milhões de brasileiros.

As novidades da atual edição incluem ainda aspectos característicos da liderança feminina — suas diferenças em relação à gestão masculina —, bem como as mudanças causadas pela Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), agora pronta para multar quem a descumpre. Avança ainda para temas como a nova lei de licitação que em breve deverá substituir totalmente as já conhecidas leis nº 8.666/1993 e a nº 10.520/2002.

No campo tendências de mercado, serão abordados os motivos pelos quais milhares de empresas brasileiras, mesmo com o sucesso do Home Office, estão convocando seus profissionais a trabalharem novamente em regime presencial. Tal fenômeno mostra antigos e novos costumes, a depender da cultura organizacional, e incidem na atração de novos talentos.

Ainda no quesito trabalho a distância, outra modalidade difundida no mercado e sonho de consumo de muitos colaboradores, o Anywhere Office, expõe as implicações econômicas e legais por vezes não imaginadas por empresas ou colaboradores. Se por um lado permite ao funcionário exercer sua atividade de qualquer lugar, por outro pode encarecer os custos trabalhistas, em virtude das regras estabelecidas no Brasil que tange ao tema.

Outros dois assuntos que provavelmente vão interessar o leitor são os novos modelos de trabalho, com ênfase da hibridização dos serviços, bem como os recentes perfis profissionais surgidos durante a pandemia. Assim como há diferenças no modo como as empresas enxergam o mercado, a maneira de operacionalizar seu corpo funcional influencia visões na hora de contratar — agora baseada em perfis ou preferências no modo de exercer as atividades.

Ainda com base nos fenômenos sociais que moldam a economia e o mercado, os conceitos de Vuca e Bani são explicados de modo a levar mais conhecimento ao leitor e gerar uma reflexão do que tem acontecido na sociedade. Do ponto de vista estratégico, servem de alerta sobre a duração dos planejamentos a serem criados e postos em prática nas organizações.

Clique, aqui, para ler a edição 144

Leon Santos – editor